House Rules: Iniciativa

Eu odeio iniciativa. Acho um saco ter que ficar controlando quem vem depois de quem, quebra o ritmo do jogo parar para rolar iniciativa, além de não trazer nada muito além de uma leve simulação tática. E parece que não é só eu que penso desse jeito:

Desta forma, uma das primeiras regras da casa que eu estabeleci no jogo foi na iniciativa. Nunca foi oficializado, porém já rolei alguns combates em que eu simplesmente a ignorei, fazendo os jogadores agirem em sentido horário na mesa. Entretanto, estou em busca de uma variedade de iniciativa que seja interessante e simples.

Dei uma lida nas opções do Dungeon Master Guide da 5E e não gostei especialmente de nenhuma. Iniciativa passiva é muito rígida e speed factor meu grupo jamais tolearia. Side initiative pareceu levemente interessante, mas faltava alguma coisa…

Uma interessante que encontrei foi a Popcorn Initiative do AngryDM. Ele basicamente adaptou a iniciativa do Cortex+, em que o jogador no final da sua jogada escolhe quem vai agir depois dele. Parece interessante, porém coloca um senso de tática que eu não ando apreciando muito ultimamente (pelo visto traumatizei com a 4E).

Fui buscar outras soluções nos RPGs oldschool. A mais simples e interessante foi a do Swords & Wizardry White Box:

At the beginning of a combat round, each side rolls Initiative on a d6—high roll wins. The winning side acts first, moving, attacking, and casting spells. The other side takes damage and casualties, and then gets its turn.
Initiative rolls may result in a tie. When this happens, both sides are considered to be acting simultaneously. The Referee may handle this situation in any way he chooses—with one caveat.
The damage inflicted by combatants during simultaneous initiative is inflicted even if one of the combatants dies during the round. It is possible for two combatants to kill each other during a simultaneous initiative round.

Esta iniciativa deve favorecer o trabalho em equipe do grupo, o que é sempre bom. Ao mesmo tempo, o segundo parágrafo garante que algumas situações inusitadas podem acontecer, o que pode ser bem interessante também.

Uma outra alternativa interessante é a do D&D Basic do Moldvay:
moldvay_initiative

Ignorando a parte de moral e movimentação, a iniciativa é bem parecida com a do Swords and Wizardy acima, com a diferença que há uma ordem de ação: primeiro movimentações, depois ataques à distância, depois magias, e por fim ataques corpo-a-corpo. Acredito que isso só teria uma grande diferença quando a iniciativa dos dois lados fosse igual, porém tenho a impressão de que isso vá deixar todos os jogadores atentos desde o início da rodada, para declarar as ações. É algo a se testar.

E vocês, usam alguma regra alternativa de iniciativa? Ou a padrão é o suficiente? Deixe nos comentários!

Anúncios

Autor: Pedro Leone

Analista de sistemas e fã de música progressiva, RPG, jogos de tabuleiro, bons livros, cinema e de praticamente qualquer atividade geek/nerd.

3 comentários em “House Rules: Iniciativa”

  1. Essa iniciativa me parece ser exatamente a iniciativa original do D&D. Ainda assim, acho mais trabalhosa do que usar algo como a iniciativa do Cortex+, que conheci através do Marvel Heroic System.

    É simples de administrar e não retira totalmente o pensamento tático. Pra mim é só alegria.

    1. Ah sim, o Swords & Wizardry é um retroclone do primeiro D&D, de 74. 🙂
      Você já usou a iniciativa do Cortex+ no D&D? Como foi sua experiência?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s