Catálogo de Criaturas: Barghest

O Barghest foi uma das primeiras criaturas que reparei a falta no Monster Manual da 5E. Principalmente depois de ler a Dark Elf Trilogy de R.A. Salvatore, onde uma dupla de barghest são parte de um sub-plot do segundo livro, Sojourn. Resolvi então fazer um primeiro teste das regras de criação de monstro do DMG adaptando o Barghest da 3.5 para a 5E. Eis a ficha:

barghest_ficha

Faltou apenas informar que o Innate Spellcasting só pode ser utilizado enquanto em forma de goblin. As habilidades são bem parecidas com as da versão 3.5, com exceção das magias. A mais nova edição não possui duas magias que ele possuía: crushing despair e charm monster. Substituí por charm person e fear, acredito que o efeito vai ser o mesmo.

barghest
A dupla Ulgulu e seu irmão Kempfana

O lore do Barghest é o que me chamou mais atenção enquanto lia o Sojourn. Eles são naturais de outro plano (qual especificamente depende do cenário e da edição que você está jogando), mas são enviados para o plano material para consumir humanóides. Ao comer a carcaça, o barghest fica mais forte até evoluir para um Greater Barghest e voltar para o plano de origem. Para quem quiser conhecer a história do barghest ao longo das edições, recomendo este post sensacional do fórum EN World.

Ulgulu atacando a fazenda de Thistledowns
Ulgulu atacando a fazenda de Thistledowns
Anúncios

Autor: Pedro Leone

Analista de sistemas e fã de música progressiva, RPG, jogos de tabuleiro, bons livros, cinema e de praticamente qualquer atividade geek/nerd.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s